Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

RÉSTIAS DO TEMPO - BEYOND

Por mais que repetida, dure o tempo que durar, meio século ou milénios, a mentira é sempre repugnante, vesga, coxa e de perna curta.

RÉSTIAS DO TEMPO - BEYOND

Por mais que repetida, dure o tempo que durar, meio século ou milénios, a mentira é sempre repugnante, vesga, coxa e de perna curta.

Reencontrei ontem

REENCONTREI ONTEM - por acaso, na Net

No 53º. Aniversário da FAP, em 2005, alguém me pediu (um jornaleiro), para dizer umas palavras sobre o acIdente fatal em 1955 dos oito F-84 na Serra dos Carvalhos, uma vez que o mesmo tinha acontecido lá na minha terra. Tudo bem. O escriba escreveu que eu tinha dito que os aviões iam a 4.000 quilómetros por hora. (Não foi a única vez que me aconteceu). 

É por isso que eu gosto da HONESTIDADE deles.

NOTA: "Desonestidade", burrice, o que quiserem. Deitar da boca para fora é uma coisa, escrever é outra muito diferente... E um "jornalista", como o jornal onde ele trabalha, devem saber disso muiro bem.

Se não sabem a diferença, são incompetentes... e, entre um desonesto e um incompetente a dificuldade é escilher o pior.  

Aniceto Carvalho

O Retrato da Ricardina

O RETRATO DA RICARDINA ´

(Livro do Camilo Castelo Branco)

No último ano de escolaridade a criatura tirou doze a história, a disciplina que se pode tirar um curso de principio ao fim sem pegar numa caneta, torceu o nariz ao português, não ao miserável sete na língua materna, mas à disciplina como se esta tivesse culpa dele ser um cábula.

CURSO SUPERIOR? VAI PARA JORNALISMO.

Aniceto Carvalho