Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Réstias do Tempo BEYOND

Por mais que repetida, dure o tempo que durar, meio século ou milénios, a mentira é sempre repugnante, vesga, coxa e de perna curta.

Réstias do Tempo BEYOND

Por mais que repetida, dure o tempo que durar, meio século ou milénios, a mentira é sempre repugnante, vesga, coxa e de perna curta.

ANOS 50 DO SÉCULO XX

(4)VespaGS58 (1).jpg

ANOS 50 DO SÉCULO XX

A minha Vespa GS, aos 22 anos, em 1957.

A condizer comigo e com a época. 

Quando chegarem ao Céu perguntem à minha mulher como era. 

E não esqueçam... Chegam três coisas para ser feliz: Ter duas boas mãos para mostrar o que se sabe fazer em qualquer parte do mundo, ser trabalhador quanto baste,  e ser um bom empregado. Tudo o resto é acessório.  

Aniceto Carvalho 

OS EMPLASTROS

(4)Reizinho.jpg

OS EMPLASTROS
Todo aquele que insiste em denegrir a licença de isqueiro do tempo do Salazar merece tanta credibilidade como um burro a falar de filosofia.
Porque: Ou é analfabeto, é burro ou lambe-cus.
Se é analfabeto ou burro, não faz qualquer ideia do que está a falar… É um pobre de Cristo, é uma tramela numa figueira. Se é para ficar bem na fotografia, é um lambe-cus sem coluna vertebral, que vive a rastejar por uma festa na cabeça.

 

Quando uma criatura insiste que “os namorados dos anos 50 nem sequer podiam andar de mão dada na rua”, das duas uma: Ou é um lambe-cus de alguém que lhe atira uma côdea para papaguear patetices, ou então, o mais certo, deve ter passado os meados do Século XX a apanhar míscaros na Mata de Monsanto.

 

NOTA: Não sou obrigado a respeitar ninguém que queira fazer de mim parvo.

Aniceto Carvalho