Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A ÚLTIMA FRAGATA ~ BEYOND

Por mais que repetida, dure o tempo que durar, meio século ou milénios, a mentira é sempre repugnante, vesga, coxa e de perna curta.

A ÚLTIMA FRAGATA ~ BEYOND

Por mais que repetida, dure o tempo que durar, meio século ou milénios, a mentira é sempre repugnante, vesga, coxa e de perna curta.

A NOVA NAMORADA

A NOVA NAMORADA
Além de uma espécie de filme para dar trabalho a uma data de artistas abrilistas aos caídos, “Mulheres de Abril” não tem mais nada que se veja. Nem vale a pena perder tempo. Do pouco que vi, no entanto, aqui vai uma cena… por sinal, exactamente a última:

No suspense, há uma delas que arrasta no ar o mistério de ter um novo amor.
Uma inquietação de olhos femininos a brilhar de curiosidade.
Mesmo na última cena, entra a causa do desassossego:
A portadora do suspense anuncia às restantes: “Tenho o prazer de lhes apresentar a minha nova namorada”… (É uma quarentona, do tipo “no pau na roupa”).
E o filme acaba… Um filme precisamente à medida do 25 de Abril.

(4)onça4 (14).jpg

Aniceto Carvalho