Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Réstias do Tempo - Blogmaster

Esconder quem somos sugere sempre contas por ajustar com o passado.

Réstias do Tempo - Blogmaster

Esconder quem somos sugere sempre contas por ajustar com o passado.

Contas com Jorge

CONTAS COM JORGE

Naquele tempo também havia ministros, secretários, directores, etc. e tal por aí fora…  mas escondido, sabe-se lá onde, uma criatura tinha uma caixinha que nem o chefe tinha autorização para lá mexer.

Era como na velha autarquia: O ti Costa tinha um cubículo logo à entrada da câmara, pagava, recebia, não se falava mais nisso…  hoje a câmara municipal tem uma ampla e confortável secção com dezenas de empregados, paga mais ordenados do que movimenta em receitas e despesas.  

Era o homem do tesouro. Chegou à altura, vencia-se uma tranche do Plano Marshal que o Governo Português tinha aceite só para fazer jeito.

A criatura da caixinha comunicou ao representante na América para pagar aquilo. Na América ninguém sabia nada, não estavam a contar para receber a maquia, era melhor informar Lisboa para esquecer o assunto.

O homem da caixinha mal chegou a expor a sugestão. O Salazar pôs-lhe o dedo no nariz: FAZ FAVOR DE PAGAR ISSO… E JÁ!

Aniceto Carvalho